domingo, 25 de abril de 2010

Descobertas de uma madrugada




Na madrugada do dia 23 de abril fui obrigada, pelo meu vizinho da esquerda,m a ouvir um tipo de música (se é que podemos chamar assim! rs-*) que eu escolhi me abster de ouvir já fazia algum tempo.

E durante esse período em que fui impelida de dormir descobri que hoje em dia amar é brega, que " ser uma menina de mente aberta" é sinônimo de estar sempre de pernas abertas; que mulheres acima dos 20 anos já estão passadas e que os homens querem, e preferem, as "novinhas".

Descobri também que a mulher interessante é a feiticeira, ou seja, é a que faz as coisas desaparecerem com a boca e com outras partes do corpo tamém. Ou então para ser interessante as mulheres devem ser como rãs, quicar, subir, descer e, se der, dar uma reboladinha no meio do caminho. Inteligência, criatividade e bom humor não servem mais de nada.Dignidade feminina? Quase nenhuma!

Não preciso nem falar que fidelidade masculina está em baixa e não passa de um conto de fadas, hoje, todo homem deve ter, pelo menos, uma amante para ser aceito "no bonde". E a "oficial" ainda deve ser submetida a humilhações da amante, que faz questão de deixar claro que é com ela que o namorado gosta de estar.

Atualmente tudo gira em torno do sexo, do prazer pessoal e momentâneo. Pensar no outro? Pra quê é tudo fulgáz , é só um encontro casual entre dois desconhecidos sem compromisso.

Cheguei a conclusão que a juventude não reflete sobre o que está ouvindo e dançando, apenas absorve, armazena em seu subconsiente e repete em sua vida aquilo o que as "músicas" os mandam fazer: " Meninas sejam vulgares, contem para todo mundo o que vocês sabem fazer na cama, vocês não valem nada mesmo, são só depósitos de esperma." e " Meninos, sejam machões, dê umazinha e deixe essa menina pra lá,não namore,ter compromisso é para os fracos, olhe ao redor e veja quantas cachorras você ainda pode bagunçar".

E é assim que caminha a humanidade, egôcentrica, só pensando no momento e vivendo as consequências.

Nenhum comentário: